Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Casa d'avó Madalena

Casa de uma matrafona que mora na Aldêa, passa o dia assentada no pial a dizer patochadas

Casa d'avó Madalena

Casa de uma matrafona que mora na Aldêa, passa o dia assentada no pial a dizer patochadas

Diligência

Avó Madalena, 08.03.14
Virtude humana de seguir um objectivo de vida, conquista ou qualquer tipo de princípio por meios convencionais até chegar ao fim do objetivo
A palavra diligência vem do verbo latino diligere, que significa amar; diligens (diligente) significa aquele que ama. Remédio para a preguiça, a virtude da diligência consiste no carinho, alegria e prontidão (diferente de pressa) com que pensamos no bem e nos dispomos a realizá-lo da melhor forma possível
Nunca, tanto como hoje tenho o meu objectivo definido, sei o que quero e estou a fazer todos os esforços para alcançar. Todos os segundos disponíveis são usados em planificação e acção no sentido de conseguir realizar o meu sonho. Agora que sei o que quero, não me vou deixar distrair com insignificâncias e futilidades que não me levam a lado algum.

Frugalidade

Avó Madalena, 08.03.14
 A frugalidade
Qualidade de ser frugal, poupador, económico, prudente no uso dos recursos de consumo, como alimentos, tempo ou dinheiro, e evitando desperdício, esbanjamento ou extravagância.
Na ciência comportamental, frugalidade tem sido definida como a tendência a adquirir bens e serviços de forma contida, e utilização dos próprios bens económicos, recursos e serviços, para alcançar um objectivo de longo prazo.
Esta virtude eu acho que tenho. Sou poupada, comedida. Faço os meus gastos de forma ponderada (quase sempre). 

Frugalidade

Avó Madalena, 05.03.14

frugalidade é a qualidade de ser frugal, poupador, económico, prudente ou económico no uso dos recursos de consumo, como alimentos, tempo ou dinheiro, e evitando desperdício, esbanjamento ou extravagância

Na ciência comportamental, frugalidade tem sido definida como a tendência a adquirir bens e serviços de forma contida, e utilização dos próprios bens económicos, recursos e serviços, para alcançar um objectivo de longo prazo.

 

Esta é uma das minhas virtudes, sou poupada, faço uso consciente dos meus rendimentos materiais, sou contida e pouco agora para investir futuramente. Sonho alto, mas esforço me por amealhar para futuramente poder usufruir desse sonho.

A determinação

Avó Madalena, 28.02.14
Totalmente determinada a fazer o Mestrado em Educação de adultos e Desenvolvimento Local!.
Todos os dias procuro novas formas de divulgar o "Páginas Tantas" de modo a conseguir angariar a verba necessária e a obter mais livros, mais "Gostos". 
Sinto que ter tomado a resolução de voltar a estudar, a lutar pelo que quer reaproximou-me de mim mesma e, melhor ainda, tornou me numa pessoa mais lutadora, mais esperançosa. Sinto o meu filho no futuro olhará para mim, para a minha luta com orgulho, e serei um exemplo para ele na suas lutas. 
Tenho orgulho da minha dedicação, embora sofra cada vez que um livro se vai, mas sei que vai ser lido novamente, folheado e amado. 
Temos de fazer sacrifícios em prol de um amor maior, e aqui agradeço á Rita, que sem saber me motivou com a sua felicidade, o seu desapego. 
Estou determinada a ser feliz, a resolver os meus problemas, encontrando soluções e a encarar a vida com mais garra.
Completamente focada! Assim deve ser no dia a dia, focados, determinados.

A organização

Avó Madalena, 27.02.14
Let all your things have their places. Let each part of your business have is time
Este é um ponto muito difícil na minha vida, desorganizo-me com muita facilidade, a minha mente a saltita do pessoal para o profissional e vice versa em menos de nada. Faltam-me definir as fronteiras e cumpri-las. Sinto por vezes que esta desordem toma conta de mim e sofro quando a mesma afecta os meus colegas de trabalho... mas a minha mente não pára quieta e eu esqueço me de tomar notas (ou quando o faço ficam incompletas)... Parece mais uma salada russa que uma vida. 
Esforço-me diariamente por melhorar, treino o sistema fly, mas mesmo assim dissipo-me. Esta desordem mental causa-me imensos transtornos diários, uma hiperactividade anárquica que me controla descontrolando.
Fico feliz por me ter colocado neste desafio, permite reconhecer as minhas lacunas e trabalha-las diariamente. 

O silêncio

Avó Madalena, 26.02.14
2ª virtude segundo B. F. - dificil de concretizar. Tenho tendência a falar pelos cotovelos e coisas sem jeito, poluição sonora. Quando 2 ou mais pessoas estão juntas tendem a falar, para quebrar os silêncios que se instalam e são muitas vezes incomodativos. Acontece que esses silêncios devem ser promovidos. Falar só por falar incómoda, acabamos por dizer barbaridades e futilidades.
Outra características que tenho é interromper as pessoas, quand dou por mim, já estou a falar. Tenho a sorte de ter no meu circulo de amigo alguém já educado para estes momentos de silencio, uma amiga que ouve e respeita a vez de cada um e eu, tenho de aprender com a Margarida a ter essa calma, esse respeito pelo outro. Para de interromper, para de falar só porque  o silencio me perturba.
Ontem consegui controlar um pouco isso, treinar mais a audição, provocar mais silêncios.
A treinar mais!

Temperança

Avó Madalena, 24.02.14
temperança (em latim: temperantia),significa equilibrar, colocar sob limites "moderar a atracção dos prazeres, assegurar o domínio da vontade sobre os  instintose proporcionar o equilíbrio uso dos bens criados
Pratiquei a temperança! Comecei na sexta feira - não bebi o meu habitual chocolate quente e como fui jantar fora, conseguir ceder às tentações do shopping: comi uma sopa de legumes. No sábado tomei o pequeno almoço em casa e consegui reduzir os cafés para 2 (diário), nada de bolos e bolinhos e excluindo o atum da omelete ao almoço, nada de proteína animal.
O domingo foi difícil: encontrei me com uma amiga numa pastelaria e a tentação era demais, mas ainda assim, não cedi. Mais um dia sem carne ou peixe, reduzi o café para 1. Isto na alimentação. Não fui a nenhum centro comercial durante o fim de semana, não comprei nada, não me deixei stressar (muito) com fatores externos e acho que fui comedida em quase todas as minhas acções.
Esta moderação é para manter.
O passo seguinte proposto por Benjamim Franklin é o silêncio... este vai ser dificil, desde qe me tornei fala barato que não fecho a matraca. Vamos ver como corre.
Speak not but what may benefit others our yourself, avoid trifling conversation